Dicionário da Moda

Quem sou eu para julgar os conhecimentos de moda de outro indivíduo, mas acho básico para uma pessoa que se diz estudante ou profissional de moda saber o significado e emprego correto de certos termos. Conhecimento é sempre bem vindo.

O que meu deu luz para a postagem foi o uso de Sleeper e não Sliper em um blog, mas vou começar por uma ordem alfabética.

Alta-Costura (Haute-Couture) : Considerada a arte de criar roupas femininas originais, sofisticadas e únicas, necessitando de provas até sua finalizaçao e mão-de-obra altamente qualificada. Seu nascimento é atribuido ao inglês Charles Frederick Worth, que abriu sua primeira Maison em 1858, na Rue de la Paix. Em 1868, foi criada a Chambre Syndicale de la Haute Couture em Paris. Embora seja utilizado em outros países(Itália – Alta Moda; Estados Unidos – High Fashion), o termo é protegido juridicamente, ficando impedido o uso por quem não é devidamente reconhecido pela comissão sediada no Ministério da Indústria Francesa.

Camafeu: Pedra esculpida, semipreciosa, composta por duas camadas com tonalidades diferentes o que permite que a figura, esculpida em alto-relevo, seja bem evidenciada. Muito usada em brincos, anéis e broches.

Cashmere: Lã fina e macia obtida a partir do pêlo de cabra da região da Caxemira(Índia), cujo fio pode ser usado puro ou misturado. No século XIX, o termo também f0i utilizado para nomear os tecidos originalmente indianos , obtidos da lã. Mais tarde os desenhos de folhas ou lágrimas tornaram-se sinônimo de estampa cashmere e, por terem sido reproduzidos em Paisley, Escócia, ficaram também conhecidos como estampa Paisley.

Docksides: Sapatos de couro com solado de borracha e fina tira de couro que percorre as laterais através de ilhóses. Têm espírito náutico e tiveram sua origem nos Estados Unidos. Também são conhecidos como Top-siders e são fabricados em inúmeras cores.

Hi-Lo: Expressão formada pela abreviação das palavras High e Low, que fazem referência ao conceito de misturar peças do vestuário de alto custo com peças de baixo custo.

Hot Pants: Expressão utilizada para referir-se aos shorts femininos lançados nos anos 70.

Loafer: Palavra inglesa para referir-se a mocassim.

Maison: Palavra francesa que significa casa e que sempre foi usada no vocabulário da moda para fazer referência a um estabelecimento de alta-costura. O conceito de Maison atribui muitos valores como tradição, patrimônio e conhecimentos adquiridos de seu criador.

Mohair: Origem árabe referente ao tecido confeccionado a partir pêlo branco e longo da cabra Angorá.

Slipper:  E não Sleeper(dorminhoco), originalmente um sapato semi-fechado para ser usado dentro de casa. Hoje muito usados como mocassins.

Vintage: Palavra inlgesa para designar o ano ou safra de vinhos e de outras bebidas que foi incorporada ao vocabulário da moda nos anos 80 como referência de roupas de outras épocas. Livros especializados sobre o tema foram lançados com regras de identificação de peças autênticas. Tipos de acabamentos, etiquetas, linhas de costura e outros dados funcionam como pistas para o veredicto sobre a origem da peça.

Espero que tire algumas dúvidas e esclareça outras.

Beijos

2 comentários

  1. Adorei esse glossário, são tantos termos que aparecem que as vezes ficamos meio perdidas né? Hahahah tem que se atualizar sempre pra conseguir acompanhar.

    1. Com certeza! Funny Girl também é utilidade pública! hehehehhe
      =P

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: