Coletiva de Imprensa “Priscilla, Rainha do Deserto”

A coletiva de imprensa do musical Priscilla, Rainha do Deserto, contou com muita música, dança, e claro, muita purpurina. O filme de 1994 ganhou sua versão teatral em Sidney em 2006 e desde então não parou de conquistar o público, passando por Londres, Canadá e Nova York.

Na última quarta–feira, elenco, produtores e Stephan Elliot – criador do filme e da peça -, se reuniram para mostrar à imprensa paulistana todo o trabalho e glamour que envolvem essa peça que conta, acima de tudo, uma história de superação, tolerância e amor. O público acompanha duas drag queens e um travesti que percorrem o deserto australiano dentro do ônibus Priscilla em uma aventura única e super divertida.

Em resposta à pergunta do Funny Girl, Elliot fez a grande revelação: a ideia para “Priscilla” surgiu aqui mesmo no Brasil, em 1989, quando assistiu o carnaval do Rio de Janeiro:

Ônibus, cenário e figurinos vieram diretamente da Broadway, mas Tim Chappel (responsável pelos super premiados figurinos) e Dean Bryant (membro da equipe critativa) fizeram questão de afirmar que parte fundamental da produção tem carimbo brasileiro: o elenco. Com mil elogios, o supervisor musical Stephen “Spud” Murphy disse que não só eles são os mais esforçados e talentosos, como cantam com o coração. “Na indústria de hoje, os cantores são ensinados a cantar como robôs, para caso um imprevisto aconteça, possam ser substituídos facilmente. Eu sempre tento os ensinar a cantar como seres humanos. Com esse elenco, porém, logo de cara eles já cantaram com o coração. Fiquei arrepiado.”

 


  

Conversamos também exclusivamente com cada um dos atores:


   

André Torquato já foi uma promessa do teatro musical quando estreou em Gipsy, agora, com quatro grandes musicais no currículo, prova mais uma vez seu talento com o desafiador papel de Adam:

 


 

 
A imprensa paulistana também pode sentir o gostinho do que é Priscilla com três – incríveis, maravilhosas e surtantes – apresentações:

GO WEST


 

SAY A LITTLE PRAYER


  

I WILL SURVIVE

6 comentários

  1. gente do céu, as músicas ficaram em inglês!
    que estranho… rs

    1. Ainda bem, né? hehehe

      1. não sei se ainda bem… torci o nariz para as músicas em português de Mamma Mia! mas fazia sentido elas serem em português por contar coisas importantes da história, acredito que seja a mesma coisa com Priscilla, elas são clássicas, mas acrescentam informações a história, então deveriam ser na mesma língua de todos os diálogos… bom, to curioso para ver essa mistura.

      2. Maiara Tissi · ·

        Acho que vai dar para entender bem mesmo assim, mas já conheço a história, então é difícil de dizer. De uma forma ou de outra, pode ter certeza que “Priscilla” está arrasando! hehehe

  2. […] passado conversamos com o André na coletiva de imprensa de Priscilla, confira aqui como ao vivo ele também é super simpático e também vídeos dos números Go West, Say a Little […]

  3. […] passado conversamos com o André na coletiva de imprensa de Priscilla, confira aqui como ao vivo ele também é super simpático, além de vídeos dos números Go West, Say a Little […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: